quarta-feira, março 21, 2007

Saudades da colecção Argonauta


Ao ler o post de 18 de Março do Osame no SEMCIÊNCIA deu-me vontade de "atacar" de novo a literatura de ficção científica. A falta de tempo e o aumento na diversidade de gosto literário (a banda desenhada e a "literatura séria", por exemplo) provocou um abrandamento no consumo da ficção científica.

Uma sugestão para quem quiser meter-se na ficção científica: Galáxias como grãos de areia de Brian Aldiss (o que eu li não é da lendária colecção Argonauta, nem corresponde à edição da imagem; é da Editorial Caminho).

2 comentários:

BB disse...

Ok, ok, Rui, eu nem sabia que vc visitava o SEMCIÊNCIA, mas... sugiro His Master´s Voice de Stanislaw Lem (o Borges da Polônia? Ou será Borges o Lem da Argentina?), ja que vc quer "literatura seria"...

Anónimo disse...

Stanislaw Lem é muito bom, mas não é a última maravilha. E está editado em português - acho que até mais livros do que os que foram traduzidos para inglês.
Brian Aldiss não fica atrás de ninguém (o que inclui Lem, é claro).
Ursula Leguin, Gene Wolfe, são dois nomes para quem quer coisas sérias. E do tempo do Borges temos Avram Davidson.